Tuberculose

Tuberculose

É considerado um grave e preocupante problema de saúde pública a nível mundial. Apesar de ser uma doença curável ela continua a matar. Cerca de um terço da população mundial está infetada com o bacilo da tuberculose.

A tuberculose é uma doença causada pelo bacilo de Koch (Mycobacterium tuberculosis) que infeta principalmente os pulmões mas pode atingir os rins, os ossos, gânglios, intestinos ou o cérebro. A sua transmissão é feita através de gotículas que o doente expele ao falar, tossir ou espirrar.

A maior parte das pessoas mesmo em contato com um doente com tuberculose não adoece pois as suas defesas impedem que a doença se declare. No entanto o bacilo pode ficar alojado no organismo e vir a declarar-se mais tarde numa situação de saúde debilitada como por exemplo SIDA.


Diagnóstico

O diagnóstico da tuberculose só é confirmado depois de os resultados dos exames bateriologicos dos escarros virem positivos para o bacilo de Koch. O médico poderá também pedir uma radiografia ao tórax. 



Sintomas
  • Tosse crónica;
  • Febre;
  • Existência e persistência de suores noturnos (dos que ensopam o lençol);
  • Dores no tórax;
  • Perda de peso, lenta e progressiva;
  • Falta de apetite, anorexia, apatia completa para com quase tudo o que está à volta.




Tratamentos

A tuberculose tem tratamento e tem cura. O tratamento é feito com recurso ao uso simultâneo de três antibióticos e durante um longo período de tempo (cerca de seis meses).

Se o doente não cumprir o tratamento até ao fim corre-se o risco de continuar com alguns bacilos que como entraram em contato com os antibióticos desenvolveram defesas. Numa recidiva ou noutra infeção os antibióticos utilizados não vão conseguir tratar a tuberculose. O problema das multi resistências, isto é bacilos que são resistentes a vários antibióticos ao mesmo tempo, está a tornar-se grave a nível mundial.



Prevenção

A tuberculose previne-se. 

Existe a vacina da BCG que é tomada logo na infância e que previne as formas mais graves de tuberculose.

Um doente com tuberculose que ainda não tenha iniciado o tratamento deve evitar o contato com a comunidade em geral. 



As informaçðes e sugestðes contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos e outros especialistas.